Alecrim - como cultivar em casa

Alecrim: como cultivar em casa

Um dos temperos mais saborosos que existe é com toda a certeza o alecrim. Por mais forte que seu sabor seja, ele acompanha bem diversos ingredientes. Desde carnes até legumes, tudo com o alecrim fica saboroso.

Então, se você gosta de cozinhar ou apenas se interessa por conhecer mais sobre plantas, o texto a seguir é para você. Além de ensinar sobre a história do alecrim, separamos algumas dicas para que você possa plantá-la em sua casa.

Origem do alecrim

Antes de mais nada vamos contar um pouco sobre a história do alecrim e como ele se tornou um ingrediente tão importante na culinária. Segundo alguns historiadores culinários, o alecrim tem origem mediterrânea, e ele faz parte da mesma família da lavanda.

Outros parentes próximos do alecrim é o orégano e da menta. Hoje em dia, os maiores produtores de alecrim do mundo são a Itália e a Espanha. Devido a seu aroma, o alecrim é muito usado na gastronomia.

Porém, outros meios de se usar o vegetal é em antissépticos e chás. Ele sobrevive aos climas de temperatura mais alta e vai ficar em sua horta por muitos anos. E seus benefícios para a saúde incluem;

  • Melhoria do processo digestivo
  • Antibiótico natural
  • Melhoria da saúde do fígado
  • Diminui o cansaço mental
  • Controla a glicose no corpo

Enfim, esses são apenas alguns dos benefícios que o alecrim possui. E uma dica é tê-lo em sua horta caseira, pois sem o uso de agrotóxicos a planta se torna ainda melhor.

Origem do alecrim
Origem do alecrim

Como cultivar o alecrim em casa

Em primeiro lugar, saiba que o alecrim não suporta bem climas muito frios. Devido a seu habitat natural, ele se dá bem apenas em ambientes mais quentes. Na hora de colocá-lo em sua horta, opte pelo local onde bata mais sol.

O local pode ser até mesmo um vaso, mas nesse caso é preciso escolher um vaso de porte grande. Dessa forma, terá espaço para que a planta se desenvolva de forma completa. O solo precisa de uma quantidade de areia, cerca de 3 para 1.

O sol precisa bater de forma direta na planta, e isso deve ocorrer por no mínimo 3 horas diárias. Afinal, sem a luz solar a planta não consegue se desenvolver. As regas devem ser feitas de forma diária até a planta se tornar adulta, após isso podem ser em dias alternados.

E somente retire o alecrim para uso após 3 meses do plantio. E só, com apenas essas dicas você já irá ter o tempero orgânico e natural em sua casa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.