Pleomele

Pleomele: saiba tudo sobre a planta?

Quando estamos planejando um jardim bonito e elegante, uma das plantas que pensamos é a chamada pleomele. Pois, a planta possui uma beleza única e muitos paisagistas a colocam nos projetos de jardins.

Contudo, a planta ainda causa estranheza em algumas pessoas. Para acabar de vez com isso, separamos algumas informações sobre a planta. Continue a leitura do texto a seguir para saber tudo sobre a pleomele

Pleomele: o que é?

A também chamada de canção-da-Ìndia é uma planta que serve para todos. Muitos jardineiros iniciantes sonham com plantas que sejam simples de serem cuidadas. Portanto, a pleomele pode ser a melhor opção.

Muito usada em vasos internos, a planta é nativa do continente africano. Mas no Brasil a planta se tornou amada e muito popular. Pois, é fácil de ser usada e não morre por quase nenhum motivo.

A planta é do gênero arbustivo e possui o nome científico de dracaena reflexa. Além disso, seu caule é ereto e possui alguns ramos que saem desses caules. A pleomele é usada tanto em jardins enormes quanto como plantas únicas em pequenos jardins.

A planta possui adaptação para diversos climas, sendo fácil de lidar. Suas folhas são verdes e com um contorno branco.

Pleomele ou Dracaena reflexa
Pleomele ou Dracaena reflexa

Sua beleza é única, e muitos a usam nos novos modelos de jardins chamados de Selva Urbana. Nesse novo formato de jardim, é feito uma espécie de floresta. Então, são usados itens como plantas arbustivas.

Como cultivar a pleomele em sua casa

Agora você vai aprender a como cultivar a pleomele em sua casa. Afinal, a planta é um item de decoração fantástico e você não pode deixar de tê-lo em sua casa. Em primeiro lugar, a planta precisa ficar em um local iluminado.

Portanto, se for mantê-la em um local interno, preste atenção nisso. Não a deixe em local que o sol não bata e evite deixá-la sob o frio. Apesar de ser uma planta difícil de ser morta, o frio não é um bom companheiro para a planta.

Quando falamos no solo, também é necessário ter atenção. Pois, o solo precisa receber água de forma constante mas não pode ficar cheio de água. Assim sendo, a melhor forma de evitar que a planta se afogue é com vasos furados e olhando a terra de forma rotineira.

E claro, aproveite a beleza única que a pleomele tem para oferecer. Afinal, a planta se dá bem nos mais variados tipos de ambientes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.